(Publicado originalmente pelo Assiste Brasil)

Tem gente que admite seu amor inabalável por Lua de Cristal (1990), de Tizuka Yamasaki, e se lembra de todas as (incontáveis) vezes que viu e reviu o filme na Sessão da Tarde. Mas, nem todo mundo é assim. Outras pessoas crescem e começam a reavaliar os seus gostos de infância. Resultado: acabando indo do amor ao ódio. Deixando esse debate de lado, vamos começar a falar daquilo que pouca gente sabe sobre Lua de Cristal -- e isso vai além de descobrir que Sérgio Malandro é o galã do filme e faz par romântico com Xuxa. Vamos aos pontos:

1. Produzir Lua de Cristal não foi nada barato. Foi preciso investir uma bagatela de 500 mil dólares

2. Mas, no fim das contas, valeu a pena investir tudo isso no filme. Lua de Cristal foi a maior bilheteria do cinema nacional nos anos 90 e teve 5 milhões de espectadores

3. Só no primeiro fim de semana, 920 mil pessoas foram aos cinemas ver o filme

4. E Lua de Cristal já bateu o recorde de público no fim de semana de estreia, o maior da história do cinema nacional. Ele ficou nesse posto por 16 anos, até ser superado por 2 Filhos de Francisco, em 2006

5. A estreia foi no dia 21 de junho de 1990 e um quilo de alimento dava direito a um ingresso. Resultado: foram arrecadados 450 toneladas de alimentos para uma campanha da Legião Brasileira de Assistência (LBA).

6. Ainda sobre a estreia: o Jornal Nacional esteve lá para fazer a cobertura

7. E um outro detalhe: no evento de estreia, Xuxa estava com a mesma roupa que usou no milésimo programa do Xou da Xuxa

8. Lua de Cristal ia se chamar (pasmem): Xuxa e a Turma Invencível

9. E, de verdade, por pouco que o filme não se chamou Xuxa e a Turma Invencível. A decisão de trocar o nome só veio depois do produtor Diler Trindade ouvir a trilha sonora e optar por Lua de Cristal.

10. Michael Sullivan, um dos responsáveis pela trilha sonora do filme, estava visitando os sets de filmagem e, ops! Acabou aparecendo em uma cena na lanchonete

11. Também tem o detalhe de Marlene Mattos, empresária da Xuxa à época, que é citada no filme duas vezes: uma quando seu Bartô está conversando com alguém sobre a dívida da lanchonete, e outra quando tia Zuleica está lá conversando e diz que é “muito próxima de Marlene”

12. Falando em Bartô, o dono da lanchonete, ele é interpretado por Claudio Mamberti, irmão do ator Sergio Mamberti, que alguns anos depois começou a interpretar o Tio Vitor de Castelo Rá-Tim-Bum

13. E sabe quem interpreta Mauricinho, o vilão da trama? Avelar Love, cantor de uma das bandas de mais sucesso nos anos 80, a João Penca e Seus Miquinhos Amestrados.

14. Leticia Spiller, que era paquita do programa de Xuxa, teve sua estreia como atriz no cinema em Lua de Cristal

15. Quem faz o papel de Xuxa criança é Adressa Koetz, que, um ano antes teve o mesmo papel em A Princesa Xuxa e os Trapalhões

16. Adressa Koetz também já foi Vera Fischer adolescente em “Laços de Família”

17. Todos os paquitos e paquitas que atuaram em Lua de Cristal usaram seus nomes verdadeiros -- inclusive Duda Little

18. Xuxa também usa seu nome verdadeiro no filme: ela é Maria da Graça, e nunca é chamada pelo apelido Para finalizar com muito amor e lágrima nos olhos, nada melhor do que Xuxa cantando a música-tema de Lua de Cristal, né?